Sou a Thalita Vitoreli, jornalista, 27 anos. Me casei em 2012 e estou aprendendo a curtir a maravilhosa viagem que é o casamento!
Vamos juntas?!
Confira aqui todas as colaboradoras do Tô Casada.com!

Curta no Facebook!

Instagram

Parceiros

+ acessadas

Arquivos

Devocional #21 – A Resolução de Toda Mulher

02set
Publicado por Blog TôCasada.com

devocional 21

Sabe qual é o maior presente que você pode dar a alguém?? Seu tempo! Tempo envolve dedicação, atenção, ouvir.

Dinheiro, recursos, talento. Nada disso substitui o tempo e a atenção que você pode dedicar àqueles que estão à sua volta. Sabe aquela sensação boa de que alguém está de fato te ouvindo de verdade e que tem prazer em estar na sua presença? “Poucas coisas significam tanto como quando uma pessoa consegue perceber, durante os poucos momentos que estamos em sua presença, que nós a estimamos e honramos.”

Quando foi a última vez que alguém realmente ouviu você? Não a última vez em que você falou, mas a última vez que você sentia que alguém te ouvia. Quando foi a última vez que você dedicou o seu tempo para ouvir alguém de verdade?

Quando somos ouvidos de verdade nos sentimos valorizadas, aceitas, amadas e confiantes. Porém, o dom de ouvir não é um dom comum. Ele só acontece “quando damos a oportunidade de nos envolver na conversa de outra pessoa, de suprimir o clamor dos nossos próprios pensamentos e horários e de concentrar nossa total atenção em outras pessoas, dando-lhes algo mais raro: o presente de nós mesmas e do nosso tempo.”

O ouvir atento é tão raro nos dias de hoje porque temos a tendência de pensar em nós mesmas. Nossas experiências, nossas opiniões, nossas conclusões querem sempre dar uma solução aos problemas, quando na realidade, as pessoas só precisam ser ouvidas.

“Na maioria das vezes, estamos tão focadas em nós mesmas e preocupadas com os nossos próprios sentimentos que todas as conversas acabam sendo sobre como somos afetadas. Estamos analisando o que a outra pessoa diz, interpretando da nossa maneira e tentando solucionar qualquer que seja o problema que ela está apresentando, interrompendo-a a cada momento possível com as nossas próprias tentativas de fazer a atenção se voltar para nós, para as nossas experiências e para nossas opiniões. Mesmo que tenhamos uma boa intenção e mesmo quando tentamos ouvir, nós temos dificuldade de manter a conversa por um tempo. E cada vez que nosso foco se desvia, nós mostramos para a outra pessoa o desinteresse não apenas no que ela está falando, mas nela como pessoa”

Sei que não é fácil ouvir as pessoas e dedicar nosso tempo a elas. Mas quando acharmos que é impossível, precisamos nos lembrar daquele que é o nosso modelo. Jesus foi o nosso exemplo desse ouvinte atento, amoroso. Ele escolheu em muitas ocasiões, parar, esperar, ouvir e dar atenção ao outro antes mesmo de falar. Ele se habituou a conceder essa atenção para a maioria das pessoas insignificantes e desprezadas de Seu tempo.

“Por toda a Bíblia, lemos que Deus ouviu Seu povo, ouviu os sentimentos acusatórios de um profeta desmotivado e impaciente (Habacuque 1:1-11); ouviu as perguntas feitas por um homem que sofria de uma angústia inexplicada (Jó 3:1-26); ouviu as muitas desculpas de Moisés para explicar o porquê de ele não ser qualificado para enfrentar o faraó (Êxodo 3:1, 4:13); ouviu o discurso queixoso de um homem inconveniente e amargurado (Jonas 4:1-11) […] Jesus ouviu as evasivas e desculpas da mulher no poço (João 4:4-30); Ele ouviu Pedro e os outros discípulos vangloriando-se indignamente ao dizer que nunca O negariam ou O abandonariam (Mateus 26:31-35); Ele ouviu o chamado de um cego, mesmo em meio ao clamor pesaroso da necessidade humana em uma rua lotada perto de Jericó (Lucas 18:35-43)”

E quantas vezes nós somos ouvidas por Deus? Você consegue se lembrar dos momentos de intimidade que teve com o Senhor? Já experimentou a sensação de que Deus ouve suas orações? Essa experiência é maravilhosa, não é mesmo?! Portanto, muito provavelmente, essa é uma das principais maneiras que nós também podemos abençoar as pessoas: ouvindo-as.

“Você não acha que as pessoas que estão na sua vida merecem essa bênção? […] A bênção de sentirem-se fortalecidos e encorajados somente por estarem perto de você? Mesmo que você não possa lhes dar dinheiro, ou a solução ideal para as suas dificuldades, ou uma oferta de emprego para minimizar suas preocupações e desespero, você ainda pode fazê-los sentir força e poder em sua presença […] olhar em seus olhos pode ser uma bênção durante o dia, e por todos os dias.”

“Então decida ouvir. Resista ao impulso de criticar, insultar, rir ou fazer comentários sarcásticos. Combata a pressão do tempo e a vontade de afastar-se. Apenas incline-se, com calma, energia e propósito, e ouça. Esse é o seu dom, a sua bênção. Portanto, faça isso por quem você puder.”

Vamos parar para ouvir as pessoas com atenção?

 

assinatura_thalita

Ainda não conhece nosso projeto de Devocional? Sempre às quartas-feira compartilhamos nossas impressões sobre um capítulo do livro A Resolução de Toda Mulher. Participe com a gente! Conheça mais sobre o projeto clicando aqui.

Devocionais anteriores:

#1Devocional#2Devocional #3Devocional #4Devocional #5Devocional

#6Devocional #7Devocional #8Devocional #9Devocional #10Devocional

#11Devocional #12Devocional #13Devocional #14Devocional #15Devocional

#16Devocional #17Devocional #18Devocional #19Devocional #20Devocional

 

Deixe aqui seu comentário